Postado em 11 de Junho às 11h00

Servioeste coleta medicamentos em feiras e eventos

Meio Ambiente (60)

Volta Redonda, Rio de Janeiro

Ações em Santa Catarina e Rio de Janeiro orientam população para o descarte correto de remédios vencidos 

Na primeira semana de junho, quando o mundo todo comemora a Semana do Meio Ambiente, o Grupo Servioeste Soluções Ambientais participou de três eventos em dois estados para orientar sobre o descarte correto de medicamentos vencidos, um dos serviços prestados pela empresa no Sul e Sudeste do País. Esses medicamentos são tratados (incinerados) pela Servioeste e destinados ao aterro sanitário para não causarem nenhum impacto ambiental.

O primeiro evento foi na última sexta-feira, 7, na cidade de São Carlos, Oeste de Santa Catarina. A Servioeste coletou 5kg de medicamentos vencidos durante a Feira do Meio Ambiente, organizada pela Secretaria de Agricultura e Epagri, que reuniu 1.000 alunos de seis escolas, além de órgãos públicos e empresas do setor.

No sábado, 8, a equipe da Servioeste esteve na Praça Central de Xaxim, também no Oeste catarinense, em ação conjunta com a Unoesc, e coletou mais 4kg. Os dois eventos foram coordenados pelo diretor executivo da Revista Servioeste, Fernando da Silva Tomé, e pela engenheira ambiental e sanitarista do Grupo, Dalila Gonçalves.

“Percebemos que o descarte correto de medicamentos vencidos precisa ser disseminado, porque a maioria das pessoas têm remédios em casa, mas desconhecem a necessidade de coleta e tratamento adequados”, destaca Dalila.

Na ação em Xaxim, também foram coletados óleo de cozinha, lâmpadas e roupas para doação.

Rio de Janeiro

Durante todo o domingo, 9, a Servioeste também participou do Projeto Descarte Solidário de Resíduos Eletroeletrônicos e Medicamentos, na Praça Central de Volta Redonda, no Rio de Janeiro, em ação conjunta com o Rotary Club da cidade. O evento recolheu 4kg de medicamentos e 10 toneladas de eletroeletrônicos. A ação é realizada duas vezes por ano pelo Rotary para a coleta de resíduos eletroeletrônicos e conta com a parceria da Servioeste na coleta de medicamentos vencidos.

De acordo com o assessor comercial da unidade da Servioeste de Volta Redonda, Anderson de Oliveira, que coordenou a ação de domingo, garantir estrutura para o descarte dos medicamentos é fundamental no processo de educação ambiental da população.

“Não adianta dizer às pessoas que é preciso descartar corretamente, se elas não têm como fazer isso. Se não tem estrutura, não tem medicamentos. É exatamente isso que fazemos na ação, disponibilizamos os ecopontos e orientamos onde e como deve ser feito o descarte”, ressalta Anderson.

São Carlos/SC

  • Servioeste - Soluções Ambientais para Resíduos de Saúde -

Xaxim/SC

  • Servioeste - Soluções Ambientais para Resíduos de Saúde -

Volta Redonda/RJ

  • Servioeste - Soluções Ambientais para Resíduos de Saúde -

Veja também

Chapecó sedia II Seminário Internacional de Sustentabilidade31/05 Evento acontece nos dias 5 e 6 de junho, no Centro de Eventos, e une governo, sociedade e empresas no debate sobre os desafios do desenvolvimento sustentável O Grupo Servioeste Soluções Ambientais participa na próxima semana, 5 e 6 de junho, do II Seminário Internacional de Sustentabilidade: Gestão e Educação Ambiental, no Centro de Eventos, em......
Servioeste participa da SIPAT Comunitária no RIOgaleão31/05 A falta de equipamentos, desatenção e cansaço geram mais de 700 mil acidentes de trabalho todo ano no País. O Brasil é a quarta nação do mundo que mais registra acidentes durante atividades laborais,......

Voltar para Blog